conecte-se conosco

Policial

Polícia Civil recupera carga de carnes avaliada em mais de R$ 500 mil em Várzea Grande

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Duas pessoas envolvidas no desvio de uma carga de carne avaliada em R$ 520 mil foram presas em flagrante pela Polícia Civil, na segunda-feira (12.08), durante investigações desencadeadas pela Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE). A ação resultou ainda na apreensão de dois veículos que davam apoio a ação criminosa.

O suspeito, Jean Davis Soares Pinto e o motorista da carreta, Edson Rodrigues de Godoi, foram autuados em flagrante pelos crimes de furto e associação criminosa. Jean ofereceu dinheiro aos policiais para não ser preso e também responderá pelo crime de corrupção ativa.

As investigações iniciaram após os policiais da DRE receberem informações de que os suspeitos utilizariam um caminhão Mercedes Benz para transportar drogas na Rodovia dos Imigrantes, região do Trevo do Capão Grande. Em monitoramento da região, os policiais visualizaram o caminhão próximo ao galpão de uma empresa, com as portas da câmara fria abertas conjugado com outro caminhão também com portas abertas.

Leia mais:  Vinte e um casos de feminicídios são registrados no primeiro semestre de 2019

Diante das suspeitas, os policiais mantiveram a vigilância do local conseguindo identificar dois veículos, um Toyota Corolla e um Chevrolet Cobalt, que acompanhava e dava apoio a ação dos criminosos. Cerca de uma hora após o início do monitoramento, o caminhão saiu do galpão escoltado pelo veículo Chevrolet Cobalt.

Os policiais seguiram a carreta que foi estacionada próximo a empresa Energisa em Várzea Grande. Com base no monitoramento, os investigadores conseguiram identificar alguns integrantes da quadrilha e por volta de 02 horas da manhã, realizaram a abordagem do suspeito Jean em sua residência, no bairro Hélio Ponce.

Questionado, o suspeito confessou que o caminhão estava com uma carga de carnes furtada, avaliada em cerca de R$ 520 mil, e que seria vendida pelos criminosos pelo valor de R$ 140 mil. No momento da prisão, Jean ofereceu dinheiro aos policiais para que não fosse preso, cometendo também o crime de corrupção ativa.

Após a prisão do suspeito, os policiais conseguiram localizar os veículos Corolla e Cobalt que davam apoio a ação criminosa na residência da mãe de outro integrante do grupo.

Leia mais:  Polícia Civil prende suspeito da morte de homens decapitados

Em continuidade as diligências, caminhão que estaria transportando a carga, um caminhão cavalo e semirreboque antes de ser furtada, foi identificado sendo constatado que o motorista também tinha participação no furto. Ao ser abordado, o condutor da carreta, confessou que receberia R$ 10 mil, para fingir ter sido vítima de roubo da carga, fato que seria noticiado na cidade de São Paulo SP.

Os suspeitos foram conduzidos a DRE onde após serem interrogados pelo delegado Vitor Hugo Bruzulato Teixeira, foram autuados em flagrante pelos crimes de furto e associação criminosa. “O procedimento foi encaminhado a Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Várzea Grande, que dará andamento nas investigações, uma vez que outros integrantes da quadrilha já foram identificados”, disse o delegado.

 

 

 

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
publicidade

Policial

Polícia Civil prende em Várzea Grande foragida com com dois mandados de prisão

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Uma foragida da Justiça com dois mandados de prisão em aberto foi presa pela Polícia Judiciária Civil, na tarde de quarta-feira (21.08), em Várzea Grande, durante ação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Cuiabá.

Com duas ordens de prisão expedidas pelo Poder Judiciário, pelo crime de tráfico de drogas, Francisrayny Pessoa de Araujo, 32, foi presa em uma residência no bairro Deputado Milton Figueiredo, Várzea Grande.

A suspeita era procurada, por um pedido de prisão decretado pela 3ª Vara Criminal da Comarca de Pontes e Lacerda (448 km a Oeste), e outro mandado expedido pela 2ª Vara Criminal da Comarca da Capital.

As diligências iniciaram após a equipe da Derf-Cuiabá, receber uma ordem de serviço para cumprimento dos dois mandados. No decorrer das investigações, os policiais civis lograram êxito em surpreender a suspeita no bairro Deputado Milton Figueiredo.

Em cumprimento as duas ordens judiciais, a mesma foi conduzida até a Derf-Cuiabá para providências cabíveis, e posteriormente apresentada para audiência de custódia, ficando à disposição do Poder Judiciário.

 

Leia mais:  Ação conjunta combate furtos de água em Cuiabá

 

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícia Civil de Jaciara prende dois por estelionato contra vítima do Rio de Janeiro

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Duas pessoas envolvidas em um golpe de venda de veículo pela Internet, cometido contra uma vítima do Rio de Janeiro (RJ), foram presas em flagrante pela Polícia Civil, na quarta-feira (21.08), após serem descobertas em Jaciara (144 km ao Sul). Um dos suspeitos seria o responsável pela negociação do veículo e o outro por receber o valor em sua conta bancária.

Os suspeitos Hederson da Silva Goetz, 35 e Eivanjson Dias de Souza (com várias passagens criminais e portador de tornozeleira eletrônica) foram autuados em flagrante pelo crime de estelionato.

As investigações iniciaram após um policial federal do Rio de Janeiro entrar em contato com a Polícia Civil de Jaciara relatando sobre uma ocorrência de estelionato, em que a vítima depositou o valor de R$ 27 mil, referente a compra de um veículo, em uma conta bancária com titularidade em nome de Hederson da Silva Goetz.

Com base nas informações, os policiais da Delegacia de Jaciara diligenciaram até a casa do suspeito, que questionado, disse que emprestou sua contra para o suspeito Eivanjson, para o recebimento do valor, do qual ele receberia 10%, ou seja R$ 2,7 mil, pelo empréstimo.

Leia mais:  Redução de feminicídio íntimo é um dos maiores desafios

Ainda segundo o suspeito, além dos R$ 27 mil depositados em sua conta bancária, foi transferido para a conta da sua esposa, o valor de R$ 8 mil, uma vez que não era possível sacar todo valor de uma única conta.

Os policiais pediram o rastreamento da tornozeleira eletrônica de Eivanjson, confirmando que ele esteve na residência de Hederson. Diante das evidências, os policiais realizaram diligências em buscas do suspeito que foi detido em um “espetinho”, no bairro Santo Antonio. Questionado, o suspeito confirmou que esteve na casa do comparsa, mas negou a participação no crime.

Segundo investigações da Delegacia de Jaciara, Eivanjson é membro de uma facção criminosa atuante no Estado, sendo um dos chefes da organização na região.

Diante das evidências, os dois suspeitos foram conduzidos a Delegacia de Jaciara, onde após serem interrogados, foi lavrado o flagrante. Posteriormente, os golpistas foram encaminhados para Cadeia Pública de Jaciara.

As investigações continuam para rastrear o paradeiro do dinheiro da vítima, que ainda não foi recuperado, assim como para identificar outras pessoas envolvidas.

Leia mais:  Polícia Civil prende traficante com drogas e R$ 6,5 mil em dinheiro na Capital

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Política Nacional

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana