conecte-se conosco

Policial

Polícia Civil apreende 232 bolsas réplicas de grifes famosas

Publicado

Assessoria | PJC-MT

A Polícia Civil apreendeu 232 produtos (bolsas e carteiras) réplicas de grifes famosas na sétima fase da operação Fictus VII, realizada na manhã desta quarta-feira (17), pela Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor (Decon) em conjunto com o Procon de Cuiabá e apoio da equipe da Diretoria de Execução Estratégica (DEE).

A mercadoria, sendo  211 bolsas e 21 carteiras, foi apreendidas em duas lojas do Shopping Popular, no bairro Dom Aquino,  na Capital. Em um Box foram 138 cópias de bolsas de marcas Victor Hugo e Louis Vuitton, e no segundo foram 21 carteiras e 73 bolsas, falsificadas da marca brasileira e francesa.

Um dos proprietários informou aos policiais que os produtos são oriundos de São Paulo e que tem conhecimento serem de “segunda linha”, ou seja, falsificados.

O Procon lavrou auto de constatação e infração contra os dois estabelecimentos.

O delegado da Decon, Antônio Carlos Araújo, informou que serão instaurados dois inquéritos policiais e após perícia da Politec ficar constatado que os produtos são falsificados os responsáveis pelos estabelecimentos serão indiciados. 

Leia mais:  Polícia Civil indicia jovem que matou tia e arrancou o coração Sorriso

Os dois proprietários foram conduzidos à Delegacia do Consumidor e poderão ser responsabilizados em crimes relativos a condutas praticadas no comércio de produtos falsificados ou pirateados, que estão tipificadas no artigo 190, inciso 1 da Lei 9.279/96, do Código de Propriedade Industrial, pena detenção de 3 meses a 1 ano; artigo 7, inciso 7, VII, da Lei 8.137/90 da lei contra as Relações de consumo, pena de 2 a 5 anos ou multa; por fraudes no comércio, previsto no artigo 175, inciso I do CPB, e ainda por infrações praticadas dentro do Código de Defesa do Consumidor (Lei 8.078/90 em seu artigo 67).

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
publicidade

Policial

Polícia Civil prende em Várzea Grande foragida com com dois mandados de prisão

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Uma foragida da Justiça com dois mandados de prisão em aberto foi presa pela Polícia Judiciária Civil, na tarde de quarta-feira (21.08), em Várzea Grande, durante ação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Cuiabá.

Com duas ordens de prisão expedidas pelo Poder Judiciário, pelo crime de tráfico de drogas, Francisrayny Pessoa de Araujo, 32, foi presa em uma residência no bairro Deputado Milton Figueiredo, Várzea Grande.

A suspeita era procurada, por um pedido de prisão decretado pela 3ª Vara Criminal da Comarca de Pontes e Lacerda (448 km a Oeste), e outro mandado expedido pela 2ª Vara Criminal da Comarca da Capital.

As diligências iniciaram após a equipe da Derf-Cuiabá, receber uma ordem de serviço para cumprimento dos dois mandados. No decorrer das investigações, os policiais civis lograram êxito em surpreender a suspeita no bairro Deputado Milton Figueiredo.

Em cumprimento as duas ordens judiciais, a mesma foi conduzida até a Derf-Cuiabá para providências cabíveis, e posteriormente apresentada para audiência de custódia, ficando à disposição do Poder Judiciário.

 

Leia mais:  Diretoria do Interior divulga resultado da II etapa do processo de remoção de delegados

 

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende assaltante envolvido em roubo a residência do bairro Pascoal Ramos

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um dos autores de um roubo a residência, ocorrido no bairro Pascoal Ramos, teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, na quarta-feira (21.08), após ser identificado em investigações da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Cuiabá.

O suspeito, Jorge Eduardo Arruda Costa Sousa, teve a ordem de prisão decretada pelo crime de roubo majorado, cometido junto a mais dois comparsas que também já foram identificados e continuam foragidos.

O crime aconteceu no dia 28 de abril, quando três homens invadiram a residência da vítima, que foi rendida junto a seus familiares. As vítimas foram amarradas e mantidas dentro de um quarto, enquanto os criminosos recolhiam os objetos da casa.

No final da ação, os assaltantes fugiram, levando além dos bens subtraídos, o veículo Renault Duster da família. Assim que foi acionada do roubo, a equipe da Derf Cuiabá iniciou as diligências investigativas conseguindo identificar Jorge Eduardo como um dos autores do crime.

Com base nos levantamentos, o delegado, Eduardo Rizzoto de Carvalho, representou pela prisão preventiva do suspeito, que foi decretada pela Justiça. Na quarta-feira (21), os policiais da Derf conseguiram capturar o autor do assalto, no bairro Alameda, em Várzea Grande, próximo a casa de seus pais.

Leia mais:  Diretoria do Interior divulga resultado da II etapa do processo de remoção de delegados

Após ter a prisão cumprida, o suspeito foi encaminhado para audiência de custódia, ficando a disposição da Justiça. As diligências estão em andamento para prender os outros dois envolvidos no crime, já identificados nas investigações da Derf.
 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Política Nacional

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana