conecte-se conosco

Economia

Petroleiros encaminham ao TST proposta para acabar com a greve

Publicado

source
greve arrow-options
Divulgação/FUP

ANP apontou risco de desabastecimento se greve dos petroleiros continuar

Sindicalistas sinalizam a possibilidade de negociação com a Petrobras para acabar com a greve da categoria que já dura 13 dias.

Em documento entregue nesta quinta-feira ao Tribunal Superior do Trabalho (TST), a Federação Única dos Petroleiros (FUP) e os 13 sindicatos afiliados se comprometem a interromper o movimento, mas somente se a Petrobras suspender as demissões na fábrica de fertilizantes Fafen, no Paraná, e promover mudanças na tabela de turnos dos petroleiros.

ANP teme que greve dos petroleiros afete produção da Petrobras

A petição encaminhada ao ministro Ives Gandra Martins propõe soluções para o impasse entre a Petrobras e os empregados.

Em carta enviada ao TST, o diretor-gerente da Agência Nacional do Petróleo (ANP), Décio Oddoni, disse que a greve já desperta preocupação com a possibilidade de risco no abastecimento .

De acordo com a FUP, a categoria afirma que está disposta a negociar e suspender o movimento .

Toffoli endossa TST e determina que 90% dos petroleiros trabalhem durante greve

Leia mais:  Bolsonaro critica “poder enorme” das agências reguladoras

Entre as condições feitas pelos sindicalistas para acabar com a greve, além da suspensão das demissões de 396 empregados da fábrica de fertilizantes, cujas operações estão suspensas pela Petrobras, os sindicalistas também pedem a suspensão das novas tabelas de turno em suas unidades operacionais e também de suas subsidiárias.

Outras reivindicações são retomar as negociações sobre temas relativos ao Acordo Coletivo de Trabalho (ACT), com garantia de que esse período de negociação não seja inferior a 30 dias, prorrogáveis por mais 30.

Fonte: IG Economia
Comentários Facebook
publicidade

Economia

Dólar ultrapassa R$ 4,39 e atinge novo recorde desde a criação do real

Publicado

source

Agência Brasil

Em alta pelo quarto dia seguido, o dólar voltou a fechar no maior valor nominal desde a criação do real . Nesta quinta -feira (20), o dólar comercial encerrou a sessão vendido a R$ 4,392, com alta de R$ 0,026 (+0,59%).

Greve não impacta preço dos combustíveis, diz presidente da Petrobras

A divisa operou em alta durante toda a sessão. Na máxima do dia, por volta das 13h30, a cotação chegou a atingir R$ 4,397. Desde o começo do ano, o dólar acumula valorização de 9,44%. O euro comercial fechou o dia vendido a R$ 4,74, com alta de 0,44%.

Dólar arrow-options
Pixabay/Reprodução

Dólar


O Banco Central ( BC ) não tomou novas medidas para segurar a cotação. Hoje , a autoridade monetária leiloou US$ 650 milhões para renovar contratos de swap cambial – que equivalem à venda de dólares no mercado futuro – com vencimento em abril. O leilão faz parte da rolagem de US$ 13 bilhões de swap que venceriam daqui a dois meses.

No mercado de ações, o dia também caracterizou-se pela turbulência. O índice Ibovespa , da B3 (antiga Bolsa de Valores de São Paulo ), encerrou esta quinta -feira aos 114.586 pontos, com recuo de 1,66%. O indicador começou o dia perto da estabilidade, mas passou a cair ainda durante a manhã.

Leia mais:  Petrobras deve privatizar Liquigás em agosto, revela presidente da estatal

Avançam negociações para trazer a Tesla ao Brasil

Nas últimas semanas, o mercado financeiro em todo o mundo tem atravessado turbulências em meio ao receio do impacto do coronavírus sobre a economia global. A interrupção da produção em diversas indústrias da China está afetando as cadeias internacionais de produção. Indústrias de diversos países, inclusive do Brasil, sofrem com a falta de matéria-prima para fabricarem e montarem produtos.

A desaceleração da China também pode fazer o país asiático consumir menos insumos, minérios e produtos agropecuários brasileiros. Uma eventual redução das exportações para o principal parceiro comercial do Brasil reduz a entrada de dólares, pressionando a cotação.

Entre os fatores dom ésticos que têm provocado a valorização do dólar , está a decisão recente do Comitê de Política Monetária ( Copom ) do Banco Central de reduzir a taxa Selic – juros básicos – para 4,25% ao ano, o menor nível da história. Juros mais baixos desestimulam a entrada de capitais estrangeiros no Brasil , também puxando a cotação para cima.

Fonte: IG Economia
Comentários Facebook
Continue lendo

Economia

Petrobras pretende vender Braskem e oito refinarias até o fim do ano

Publicado

source

O presidente da Petrobras , Roberto Castello Branco , disse nesta quinta-feira que a estatal pretende assinar o acordo de compra e venda de oito refinarias até o fim deste ano para concluir o processo em 2021 . A empresa também quer chegar a uma solução com a Braskem até o fim do ano.

Greve não impacta preço dos combustíveis, diz presidente da Petrobras

“Vamos vender a Braskem até o fim do ano e transformar a empresa apenas em uma companhia com ações oridinárias no Novo Mercado . E usar o mercado acionário para vender essas ações e sair”, disse Castello Branco .

Petrobras arrow-options
Divulgação

Petrobras


O executivo destacou que o objetivo é investir US$ 12 bilhões neste ano, mais que os US$ 10,7 bilhões em 2019.

” Esse ano, o investimento será de US$ 12 bi. O número fica dentro da meta e vamos alcançar esse número”, disse Castello Branco . “Para manter o ritmo de produção é preciso investir. O nosso desafio é conciliar a redução de dívida com a mehloria da qualidade da empresa. É uma ginástica dificil. Nesse primeiro ano fomos bem”.

Leia mais:  Como aumentar as vendas da sua empresa? Confira dicas fundamentais

Avançam negociações para trazer a Tesla ao Brasil

Castello Branco citou ainda os gastos com projetos de refinarias em gestões passadas.

“Torraram US$ 50 bilhões em refinarias e nada. Quase não se produz nada. É um cemitério da corrupção. Premium I e II, Pasadena, Oknawa, Comperj, Rnest. No ano passado, pagamos US$ 24 bi de dívida. Isso é muito dinheiro. A dívida é muito alta. O desafio da Petrobras é ter um investimento de mais qualidade.

Fonte: IG Economia
Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Política Nacional

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana