conecte-se conosco


Policial

Operação Hefesto investiga roubos a veículos e venda de peças na região Metropolitana

Publicado

Assessoria/PJC-MT

A Polícia Civil deflagrou nesta sexta-feira (28) a Operação Hefesto, coordenada pela Delegacia Especializada de Repressão a Roubo e Furto de Veículos Automotores (Derrfva), que visa desmantelar associação criminosa voltada  à prática de furtos e roubos de caminhões, adulteração de sinal identificador de veículos e comercialização de peças roubadas. 

A unidade especializada atua com o objetivo de reduzir índices criminais referentes a roubo, furto, receptação e adulteração de sinal identificador de veículos automotores na região Metropolitana da Capital. 

Conforme as investigações, a organização criminosa é especializada em roubo qualificado de veículos, promovendo a adulteração dos produtos de crime e reinserindo as peças dos automóveis no mercado formal, dando aparência de legalidade. Além disso, nos crimes de roubo a caminhões e cargas, o grupo pratica restrição de liberdade das vítimas, mantendo-as reféns enquanto executam o ato criminoso. 

Na mitologia grega Hefesto é o deus do fogo, dos metais, da metalurgia. 

ATENDIMENTO À IMPRENSA: Os coordenadores da Operação Hefesto atenderão os veículos de comunicação a partir das 9h30, desta sexta-feira, na Derrfva.

Leia mais:  Dois postos de combustíveis são alvos de fiscalização após denúncias de consumidores

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
publicidade

Policial

Polícia Civil cumpre mandados de busca e de prisão contra suspeito de estupro de vulnerável

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um homem suspeito da prática de estupro de vulnerável foi preso pela Polícia Civil, na quarta-feira (08.04), em ação realizada pelas equipes das Delegacias de Paranatinga (373 km ao Sul de Cuiabá) e Gaúcha do Norte (595 km ao Norte da Capital). A ordem de prisão contra o investigado foi cumprida menos de 72 horas após a Polícia Civil ser comunicada do crime.

As investigações iniciaram logo que a notícia do fato chegou a Delegacia de Paranatinga no domingo (05). Com base nas apurações colhidas durante as diligências, com prova da materialidade e indícios de autoria, o delegado Flávio Souza Braga representou pela prisão preventiva do suspeito.

A representação pelos mandados de prisão e de busca e apreensão contra o investigado teve parecer favorável do Ministério Público e deferimento da Justiça de Paranatinga.

Nesta quinta-feira (09), a ordem de busca domiciliar foi cumprida no município de Gaúcha do Norte. Na residência do suspeito, foram apreendidos diversos objetos que poderão esclarecer demais fatos relacionados ao crime, assim como identificar outros ilícitos, como armazenamento em aparelhos eletrônicos de fotografias de adolescente com conotação sexual.

Leia mais:  Polícia Civil apreende mais de R$ 4,5 milhões em avião que fez pouso forçado em Alta Floresta

Segundo o delegado, Flávio Souza Braga, a prisão do investigado e o êxito nas ações de busca e apreensão foi possível graças a integração da Polícia Civil com o órgão ministerial, poder judiciário e empenho dos escrivães e investigadores das Delegacias de Paranatinga e Gaucha do Norte.

“A Polícia Civil está vigilante e operante, ainda que em épocas de crise de enfrentamento da Covid-19. Ilícitos dessa natureza, os quais causam repulsa social, reclamam atuação rápida com medidas enérgicas, de modo a garantir a manutenção da paz social da população local”, disse o delegado.

 

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Atuação integrada fiscaliza fabricante de álcool em gel e drogaria na Capital

Publicado

Assessoria/Polícia Civil-MT

Uma ação integrada de fiscalização foi realizada na manhã desta quinta-feira (09.09), pela Polícia Civil por meio da Delegacia Especializada de Consumidor (Decon) em apoio ao Procon Municipal de Cuiabá. 

Dois estabelecimentos foram fiscalizados, sendo um local responsável pela fabricação de álcool em gel com suspeitas de estar fora dos padrões exigidos, e o outro ponto comercial realizando venda do produto irregular. 

A ação foi deflagrada após denúncia feita via aplicativo ao Procon Municipal de Cuiabá. As informações repassadas relataram que um estabelecimento no bairro Santa Cruz, na Capital, estaria comercializando produto para algumas farmácias, e estas revendendo álcool com informação de ser 70%, porém, com indícios de que há mistura com gel de cabelo, devido à viscosidade e odor.   

Diante da denúncia, as equipes foram no endereço onde funciona a empresa de fabricação. O proprietário informou que está fabricando o álcool em gel há pouco tempo e que comprou um insumo denominado “natrosol” e apresentou nota fiscal da referida mercadoria. Informou ainda que o produto ao ser misturado com o álcool, o deixa com uma coloração amarelada e que o preparado tem o mesmo efeito que qualquer álcool em gel. 

Leia mais:  Projeto aproxima instituição e moradores da região do São João Del Rey

O dono do local explicou também que metade do produto foi doada e a outra metade fora vendida para algumas farmácias e pequenos comércios de Cuiabá. Para as próximas fabricações do álcool em gel, foi comprado o insumo denominado ‘carbomero’, que também é utilizado no processamento do álcool em gel. No local também foi percebido que os funcionários trabalham com equipamentos de proteção, como máscaras e luvas, além da higienização completa com produtos para desinfecção.

Em seguida, as equipes de fiscalização foram a uma drogaria no bairro Jardim Califórnia, onde o responsável afirmou ter adquirido o álcool em gel da empresa anteriormente vistoriada, e está vendendo pelo valor de R$ 25 o frasco com 500 ml. Foram apreendidos três frascos do produto que será submetido  a exames periciais.

A Polícia Civil destaca que as ações de fiscalizações a estabelecimentos que estejam fabricando e/ou comercializando produtos de forma irregular serão intensificadas, visando à proteção ao consumidor e o combate à pandemia do novo coronavírus (Covid-19). 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Política Nacional

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana