conecte-se conosco

Esportes

Nos pênaltis, Athletico bate Flamengo e Inter vence Palmeiras na Copa do Brasil

Publicado

Lance

Flamengo é eliminado pelo Athletico-PR nos pênaltis na Copa do Brasil arrow-options
André Fabiano/Agência O Globo

Flamengo é eliminado pelo Athletico-PR nos pênaltis na Copa do Brasil


Após desperdiçar três pênaltis, o Flamengo está eliminado da Copa do Brasil, com o Athletico se classificando à semifinal. Pela volta das quartas de final da competição, na noite desta quarta-feira, no Maracanã, diante de quase 70 mil torcedores, no recorde de público de 2019 no país, o empate em 1 a 1 do jogo de ida foi repetido, com a vaga sendo definida nas penalidades. Bruno Guimarães fez o gol que selou o 3 a 1 a favor dos paranaenses nas cobranças.  Na outra partida das 21h30, o Internacional bateu o Palmeiras também nos pênaltis e enfrentará o Cruzeiro na semifinal.  O Athletico pegará o Grêmio na próxima fase. As datas das semifinais ainda serão confirmadas pela CBF.

PRESSÃO ATÉ A TRAVE…
Depois do empate em 1 a 1 no jogo de ida destas quartas de final, o Flamengo entrou em campo no Maracanã para aproveitar o fator casa, tentando garantir a vaga na semifinal da Copa do Brasil no tempo normal. O esquema montado pelo técnico Jorge Jesus fez com que o time jogasse mais ofensivo, como aos sete minutos do primeiro tempo, quando Arrascaeta fez o goleiro Santos defender bem. Aos 15, a trave salvou o Athletico, em tentativa de Lincoln. Rony respondeu aos 29, mas o jogo foi ao intervalo sem gols.

SEMPRE ELE!
No segundo tempo, diante dos quase 70 mil torcedores, o Flamengo passou a movimentar mais a bola no meio de campo. Com isto, abriu o marcador aos 16 minutos: após jogada de Vitinho, Everton Ribeiro ajeitou e Gabigol, oportunista, apareceu, tranquilo, para colocar os cariocas na frente, 1 a 0. Festa do Flamengo no Maracanã, com Gabigol chegou ao seu gol de número 18 em 29 partidas na Gávea. Na frente, o Athletico passaria a se lançar mais ao ataque, abdicando da estratégia anterior de contra-ataque, para tentar o empate.

Leia mais:  Motorista some após entrar com ambulância no gramado para atender jogador; vídeo

EMOÇÃO COM EMPATE
E a nova estratégia do Athletico deu certo. Aos 31 minutos, chegou ao gol de empate diante do Flamengo, no Maracanã. Bruno Nazário achou Rony, que mandou para o gol – o goleiro Diego Alves chegou a tocar na bola, mas a mesma acabou estufando as redes do Flamengo, 1 a 1. Até o apito final do árbitro Wilton Pereira Sampaio, Rony arriscou mais uma vez para o Athletico, Diego ainda tentou para o Flamengo, mas o tempo normal acabou mesmo com o empate em 1 a 1, levando a disputa da vaga na semifinal para as penalidades.

E DEU ATHLETICO!
Nas cobranças de pênaltis, deu Athletico. Quem abriu a série foi o Flamengo, com Diego, que foi displicente, batendo nas mãos do goleiro Santos, desperdiçando a tentativa – a terceira só esse ano na Gávea. Jonathan foi o primeiro a cobrar para os paranaenses, convertendo – mesmo o goleiro Diego Alves tocando na bola, mas sem evitar. Vitinho foi o segundo a cobrar para o Flamengo, mas isolou… Lucho González converteu para o Athletico, Cuéllar para o Flamengo, Bruno Nazário parou em Diego Alves, Everton Ribeiro parou no Santos, até Bruno Guimarães confirmar o 3 a 1 para o Athletico nos pênaltis, eliminando o Flamengo. Athletico classificado à semifinal!

Leia mais:  Mais uma polêmica: Neymar ignorou Leonardo em treinamento do PSG? Assista

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 1 (1) X (3) 1 ATHLETICO

Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 17/7/2019, 21h30 (de Brasília)
Árbitro: ​Wilton Pereira Sampaio (GO) – Nota LANCE!: 6,5 (não influenciou no resultado, conduzindo bem o jogo)
Assistentes: Alessandro Rocha de Matos (BA) e Fabricio da Silva (GO)
Árbitro de vídeo: ​Igor Junio Benevenuto de Oliveira (MG)
Público/renda: 64.844 pagantes/69.980 presentes/R$ 4.106.610,40
Cartões amarelos: Renê, Gabigol (FLA) e Léo Pereira, Rony, Bruno Guimarães (CAP)
Cartão vermelho:

GOLS: Gabigol 16’/2ºT (1-0) e Rony 31’/2ºT (1-1)
PÊNALTIS: Diego (0-0), Jonathan (0-1), Vitinho (0-1), Lucho González (0-2), Cuéllar (1-2), Bruno Nazário (1-2), Everton Ribeiro (1-2) e Bruno Guimarães (1-3)

FLAMENGO: ​ Diego Alves, Rafinha (Rodinei 42’/2ºT), Léo Duarte, Rodrigo Caio e Renê; Cuéllar, Everton Ribeiro, Diego e Arrascaeta (Vitinho 13’/1ºT); Lincoln (Berrío 13’/2ºT) e Gabigol. Técnico: Jorge Jesus.

ATHLETICO: Santos, Jonathan, Léo Pereira, Robson Bambu e Márcio Azevedo (Lucho González 43’/2ºT); Wellington, Bruno Guimarães, Nikão (Bruno Nazário 24’/2ºT), Rony e Marcelo Cirino (Vitinho 38’/2ºT); Marco Ruben. Técnico: Tiago Nunes.

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook
publicidade

Esportes

Corinthians e Fluminense ficam no 0 a 0 na ida das quartas da Sul-Americana

Publicado

Lance

Corinthians e Fluminense ficam no empate em 0 a 0 na ida das quartas da Sul-Americana arrow-options
Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Corinthians e Fluminense ficam no empate em 0 a 0 na ida das quartas da Sul-Americana

Ficou tudo igual entre Corinthians e Fluminense no jogo de ida das quartas de final da Copa Sul-Americana, na noite desta quinta-feira, na Arena, em Itaquera. Num jogo muito equilibrado, com poucas chances de gol, as equipes ficaram no 0 a 0. Agora, quem vencer o segundo jogo avança para a semifinal. Em caso de empate com gols, o Timão passa para encarar o Independiente del Valle, do Equador.

As equipes voltam a se enfrentar na próxima quinta-feira, às 21h30, no Maracanã. Antes disso, o Corinthians entra em campo pelo Brasileiro, no domingo, fora de casa, às 19h, contra o Avaí. O Fluminense não joga no fim de semana porque o jogo contra o Palmeiras foi adiado para o dia 10 de setembro.

Começo quente

O início da partida foi tenso e muito brigado em Itaquera. Com menos de cinco minutos, Nenê e Clayson se desentenderam no meio de campo e chegaram a trocar empurrões. Quatro minutos depois, ocorreu um princípio de cenas lamentáveis na área do Fluminense. Nino se machucou sozinho e ficou caído no gramado. O volante Allan colocou a bola pela lateral, mas, quando o Timão repôs a bola em jogo, tentou uma jogada de ataque, enquanto os jogadores do Flu esperavam que devolvessem a bola. Frazan partiu para cima de Pedrinho e um bolo se jogadores se formou, trocando empurrões. O árbitro esperou os ânimos se acalmarem e resolveu tudo na conversa. Foi o lance mais quente do primeiro tempo.

Leia mais:  Palmeiras e Globo se reúnem, mas multa e tempo de contrato afastam acerto

Ainda no começo do jogo, Nenê recebeu cartão amarelo por falta dura em Mateus Vital, enquanto o meia corintiano também foi advertido pelo árbitro por deixar a mão no rosto de Ganso.

Timão volta melhor

Após um primeiro tempo fraco tecnicamente, sem nenhuma das duas equipes conseguir criar boas jogadas ou dar trabalho para os goleiros Cássio e Muriel, o Corinthians voltou melhor para a segunda etapa. Retornando com o mesmo time, o Timão teve outra postura e conseguiu pressionar o Flu nos minutos iniciais. Manoel, pelo alto, e Pedrinho, com um chute da entrada da área, tiveram chances para abrir o placar para o Timão.

Depois de bons 20 minutos do Corinthians na segunda etapa, o Fluminense conseguiu sair mais para o jogo. E logo aos 25, Daniel obrigou Cássio a fazer uma boa defesa em chute de fora da área

Muriel salva

Com a entrada de Boselli e Gustagol no time do Corinthians, os donos da casa passaram a apostar mais ainda na jogada aérea. E quase deu certo. Aos 35, Clayson cruzou, Gil escorou e o argentino cabeceou no meio gol, para defesa de Muriel. Depois, já aos 46, Fagner deu um belo cruzamento e Gustagol subiu alto e mandou para o gol. O goleiro tricolor desviou com a ponta dos dedos a bola, que ainda bateu no travessão antes de sair, para garantir o 0 a 0 no placar.

Leia mais:  Motorista some após entrar com ambulância no gramado para atender jogador; vídeo

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Serena Williams e Sharapova vão se enfrentar na primeira rodada do US Open

Publicado

Maria Sharapova arrow-options
Divulgação

Maria Sharapova

O US Open deste ano reservará um grande confronto logo na primeira rodada. A americana Serena Williams enfrentará a russa Maria Sharapova no Grand Slam, que começa na próxima segunda-feira (26). E, a julgar pela rivalidade do embate, o público poderá esperar um grande jogo no piso rápido do complexo de Flushing Meadows, em Nova Iorque.

Leia mais: Rafael Nadal compra iate de aproximadamente R$ 22 milhões

Duas das atletas mais vitoriosas do tênis, Serena e Sharapova irão escrever no US Open mais um capítulo na rivalidade que já conta com 20 duelos. Porém, a vantagem da americana é grande: 18 vitórias contra apenas duas da russa.

Já entre os homens, o destaque fica por conta da projeção de um encontro entre Roger Federer e Novak Djokovic , que estão do mesmo lado da chave e podem se enfrentar na fase semifinal.

Único brasileiro confirmado no US Open até aqui, Thiago Monteiro enfrentará na primeira rodada o americano Bradley Klahn. Caso avance, Thiago terá pela frente o japonês Kei Nishikori.

Leia mais:  “É ridículo”, diz Rapinoe sobre outras finais no mesmo dia da Copa do Mundo

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Política Nacional

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana