conecte-se conosco

Mulher

Horóscopo do dia: previsões para 8 de junho de 2019

Publicado

Terapeuta Integrativa, Masumi Suguinoshita usa a Astrologia e a Meditação como ferramentas principais de trabalho e traz ao Delas as previsões do horóscopo do dia.


Signos
shutterstock

Confira o que os astros reservam para o seu signo durante este horóscopo do dia

Leia também: Quer saber o que os astros te reservam? Veja a previsão para os signos em 2019

Confira o que diz o horóscopo do dia  8 de junho e veja a melhor forma de aproveitar o seu sábado.

Áries

Nem sempre o nosso brilho agrada a todos, mas o que fazer, né? Só fique atento se você não está ultrapassando limites, impondo regras ou ignorando acordos, pois aí sim temos um problema. Se você tem um combinado e sentir que isso está te segurando, a dica é sentar e conversar para rever que foi concordado.

Touro

Respeite o jeito de cada um. Quando deixamos os nossos preconceitos e birras de lado, fica mais fácil de se relacionar com as pessoas. Quando o “santo não bate”, podemos estar simplesmente projetando as nossas próprias qualidades mal resolvidas no outro.

Gêmeos

As experiências dos últimos tempos podem causar reflexões acerca do futuro de suas relações, sejam elas profissionais ou pessoais. O fato é: não tem como controlar. Nos resta apenas escolher com o que iremos nos comprometer e estabelecer bons acordos.

Câncer

Você consegue dizer não? Sabe fazer escolhas que te ajudam a estar bem no longo prazo? Reconheça o seu valor e faça bons acordos, não baseados no medo, mas no que é justo e condizente com o que você merece. A autoestima e a capacidade de se manter sereno te ajudam a fazer isso com maestria.

Leia mais:  5 formas surpreendentes de usar o celular para entrar em forma e ter mais saúde

Leão

O que você faz quando alguém te provoca ou te instiga de alguma forma? Que tal respirar fundo e deixar que esse estímulo se resulte em algo positivo? Se mexeu contigo é porque existe um ponto a ser observado e ajustado. Pode até dar vontade de tomar uma atitude impulsiva, mas será que vale a pena?

Virgem

Para quê mentir para si mesmo? Agir de acordo com a sua verdade pode ser mais difícil e trabalhoso, afinal, é preciso ter ética, paciência e muita coragem, mas no fim, vale a pena. É o que faz com que possamos deitar a nossa cabeça no nosso travesseiro e saber que fizemos o nosso melhor.

Libra

Deitar a cabeça no travesseiro e sentir paz no coração, é fruto de viver a sua essência, seja da forma com que ela for. Se preocupar em agradar aos outros é sinônimo de viver em frustração. Acredite, para cada pessoa existe um espacinho no mundo para que ela possa ser do jeito que ela é, brilhando em sua singularidade.

Escorpião

Todos nós temos um anseio por mais liberdade . Alguns acreditam que isso venha através do dinheiro, outros por meio da independência na vida pessoal, enfim, cada um quer se libertar de suas correntes de um jeito. Ligar para o que pensam sobre nós pode ser uma dessas amarras primordiais. Parar de ligar para as opiniões alheias pode ser difícil, mas deixar de se prender por elas é um bom começo.

Leia mais:  Horóscopo do dia: previsões para 26 de maio de 2019

Sagitário

O compromisso não é sinônimo de prisão, pelo contrário! É combinar o jogo para que você possa chegar em novos lugares e experiências. Tudo depende do que foi acordado. Se houver conflito, o caminho é desapegar de ter razão e criar uma solução que traga conforto para ambos os lados. Escolha as suas batalhas!

Capricórnio

Não deixe que o perfeccionismo e excesso de autocobrança acabe com a sua boa vontade e com a sua criatividade. Numa tentativa de fazer bem feito podemos acabar complicando demais as coisas, confundindo complexidade com qualidade. Simplifique começando com capricho com o que você já sabe, incrementando e aperfeiçoando aos poucos.

Aquário

Será que a sua versão da história é realmente a que faz mais sentido? Talvez seja a hora de começar a usar o seu sexto sentido e tentar ler entre as linhas. Nem tudo está tão explícito assim. Não é porque não se explica que não existe, concorda? Preste atenção ao seu instinto, pois hoje, ele tem toda a uma história para te contar.

Peixes

O que “coincidentalmente” dá certo, pode ser mais que sorte, pois a sua conexão com a sua intuição se intensifica a cada dia que passa. Pode ser que surjam novas ideias e formas inusitadas de trabalhar, portanto, mantenha um caderno de anotações próximo de você para que você não se esqueça delas.   

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
publicidade

Mulher

Eu estava desesperada, diz jovem que foi “sugar baby” para pagar sua faculdade

Publicado

A história de Jessica Hyer não é exatamente incomum. Aos 19 anos, a jovem britânica se viu endividada enquanto cursava Inglês e Dramaturgia na Universidade de Manchester, na Inglaterra. Sem apoio financeiro da família, visto que ela saiu de casa três anos antes e vinha se sustentando sozinha desde então, ela viu a solução para os seus problemas em um anúncio.

Leia também: Presentes caros, viagens, mimos e até sexo… Como é o relacionamento sugar?

sugar baby
Reprodução/Facebook/Jessica Hyer

Jessica Hyer diz que passou a trabalhar como “sugar baby” por não ter dinheiro

A propaganda no Facebook direcionava para um site no qual homens, geralmente mais velhos, “patrocinavam” mulheres mais jovens, uma relação entre “sugar daddy” e ” sugar baby “. “Eles fazem você pensar que esses homens são mentores, que eles vão te ajudar na carreira, que não te veem de maneira sexual, quando, na realidade, sexo é o objetivo final”, desabafa Jessica em entrevista ao site Manchester Evening News.

Jessica conta que uma das poucas experiências “glamurosas” que teve como “sugar baby” foi quando um cliente a buscou de Lamborghini e lhe deu uma quantia em dinheiro vivo que ela nunca havia visto na vida. No início, ela diz que eram apenas encontros, pelos quais ela recebia de 70 a 150 libras (R$ 340 a R$ 728, segundo a conversão do BC) mas conforme sua situação financeira se deteriorava, passou a topar mais riscos: “Eu estava desesperada”.

Leia mais:  Quando o trabalho vira doença: saiba mais sobre a Síndrome de Burnout

Leia também: “Amor à primeira vista”, diz jovem de 23 anos casada com homem de 65 anos

“Alguns dos meus amigos pensavam que [ser ‘sugar baby’] era divertido e glamuroso, mas só porque eu não contava para ninguém como realmente era, a maioria das mulheres não conta”, relata a britânica, hoje com 24 anos.

sugar baby Jessica Hyer
Reprodução/Facebook/Jessica Hyer

Sexo é o objetivo, diz Jessica sobre encontros

Embora chegasse a receber cerca de 600 libras (cerca de R$ 2,9 mil) em uma noite em raras ocasiões e o dinheiro a sustentasse, Hyer diz que receber dinheiro em troca de sexo a isolou e a fez sentir que não havia apoio para “pessoas como ela”. 

“Não estou dizendo que todos os homens não são legais, mas, na minha experiência, a grande maioria deles não te trata como se você fosse um humano. Um ‘ sugar daddy ‘ disse uma vez para mim: ‘Eu geralmente vou atrás de meninas menos atraentes porque elas são menos confiantes’”, explica Jessica.

Leia mais:  5 formas surpreendentes de usar o celular para entrar em forma e ter mais saúde

Leia também: Jovem de 21 anos sobre vida sexual com noivo de 74: “Não precisa de Viagra”

Em quatro anos como “sugar baby”, a jovem estima que saiu com cerca de 50 homens. Hoje, recuperada com ajuda de terapia e de seu parceiro, Jessica afirma que quer ajudar mulheres e homens que têm dificuldades de deixar esta vida para trás.

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

Escola causa polêmica com premiação para “melhor menino” e “melhor menina”

Publicado

Assim como a escola que deu o troféu de “menino mais irritante” a uma criança autista , a Hugh Christie School, na Inglaterra, também causou polêmica com uma premiação. A tia de um aluno da instituição ficou indignada com um prêmio criado para homenagear o “melhor menino” e a “melhor menina” do colégio.

premiação de escola causa polêmica
Reprodução/Twitter/@lucyshall

Lucy Hall, tia de um estudante da escola, compartilhou o formulário na internet e revelou as categorias do prêmio


Lucy Hall compartilhou no Twitter uma foto do formulário que os alunos foram convidados a preencherem. Nele, a escola explica que se trata da cerimônia de premiação para marcar o final do ano letivo.

Os troféus que a escola se propôs a distribuir causaram revolta por não estarem ligados, de nenhuma maneira, aos estudos. As categorias que os adolescentes deveriam votar são direcionadas ao comportamento e características físicas de seus colegas. ” Melhor menino “, “melhor menina”, “hábito mais irritante”, “melhor casal” e “maior ego” integram a lista.

Leia também: Irmãs são expulsas de escola dos Estados Unidos porque a mãe “vive em pecado”

Leia mais:  Quando o trabalho vira doença: saiba mais sobre a Síndrome de Burnout

A tia do estudante afirmou que ficou “chocada” ao ver o documento. “A escola é difícil o suficiente quando você tem 14 anos para criar prêmios sobre o melhor garoto e garota”, escreve Lucy. “Hugh Christie School, por que você deixaria isso acontecer? Os pais estão chocados com isso”, questiona ela.

A postagem teve mais de 40 retuítes e passou de 160 curtidas, e contou com respostas indignadas dos internautas sobre os troféus que a Hugh Christie School queria distribuir. “Isso é nojento. Absolutamente nenhuma dessas categorias celebra atributos positivos. É 2019!! Como isso está acontecendo?”, pergunta um.

“Isso é bullying sancionado pela escola. Horrível quando temos uma enorme crise na saúde mental dos adolescentes. É perfeitamente possível fazer isso sem envergonhar e julgar”, afirma outra.

A resposta da escola

A Hugh Christie School viu a publicação de Lucy Hall e pediu desculpas por “qualquer ofensa causada” aos pais e estudantes. “Informaremos os alunos para desconsiderar o formulário. O pessoal responsável foi avisado. Concordamos totalmente que isso era inadequado e pedimos desculpas”, relata a escola.

Leia mais:  Mulher desabafa após achar que roupa escolhida para casamento irá ofuscar noiva

Leia também: Professora obriga menina a trocar de roupa por achar vestido “inadequado”

A instituição também afirmou que essa premiação “vai totalmente contra o espírito da escola” e declarou que abriu uma investigação interna para saber os motivos que levaram o colaborador a produzir o documento.

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Política Nacional

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana