conecte-se conosco

Política MT

Espaço Cultural da ALMT recebe três exposições com artistas Mato-grossenses

Publicado

Foto: Marcos Lopes

Visando promover a arte e a cultura regional a Assembleia Legislativa de Mato Grosso, por meio do Instituto Memória do Poder Legislativo (IMPL), realiza um ciclo de exposições do projeto “Municio e suas Potencialidades”. O evento, que começa hoje (10), terá duração de três semanas e contará com artistas das cidades de Juína, Cáceres e Diamantino. As obras ficarão expostas no espaço cultural da ALMT, na entrada principal, entre os dias 10 a 27 de setembro, das 8h às 18h.

“É muito bom poder oferecer para a sociedade conhecimento e cultura por meio da arte. Esse projeto, em especial, visa destacar as riquezas de todos os cantos de Mato Grosso. É um espaço aberto para todos os municípios mostrarem e convidarem as pessoas a conhecerem não só a arte, mas também a sua história e cultura”, destaca a superintendente do IMPL, Mara Visnadi.

Nesta primeira semana, o projeto traz a exposição “Parte de um Todo” da artista e poetisa Cleuta Paixão, de Juína. A mostra reúne 40 telas, cada uma delas acompanhada de um poema, que representam um pouco da trajetória da artista plástica.

Leia mais:  Comissão de Saúde define cronograma de visitas a hospitais regionais de MT

“Eu vivo da arte, mas é uma carreira muito difícil de ser reconhecida e valorizada. Então vejo esse espaço oportunizado pela ALMT como um apoio muito importante para artistas e também para a sociedade que é contemplada com arte e da cultura”, destaca a artista.

Seguindo a programação, nas próximas semanas o espaço cultural recebe a exposição “Réquiem da Terra”, do grupo Artemat, da cidade de Cáceres, que será realizada de 16 à 20 desse mês. Para fechar, entre os dias 23 e 27, acontece à exposição “Diamantino em Cores”, que reúne obras de 10 artistas plásticos do município.

“Projeto Município e suas Potencialidades” – projeto que visa disponibilizar o espaço cultura da ALMT para divulgar e promover, além dos potenciais culturais, também os históricos, turísticos e gastronômicos dos municípios mato-grossenses. Para participar os municípios ou mesmo as associações vinculadas a estas características podem enviar memorando para o IMPL solicitando a participação ou o apoio dos deputados representantes de suas regiões. Mais informações pelo telefone 3313-6936.

Fonte: ALMT
Comentários Facebook
publicidade

Política MT

Mesa Diretora lamenta falecimento de Benedito Botelho, pai do presidente da AL

Publicado

Foto: ARQUIVO PESSOAL / ALMT

A Assembleia Legislativa vem a público expressar sentimento de pesar e prestar condolências à família do presidente da Casa de Leis, deputado Eduardo Botelho, pelo falecimento do seu  pai, senhor Benedito Caetano Botelho, na manhã desta sexta-feira (17).

Seo Chinhô, como era conhecido, era natural de Livramento, completou 95 anos em setembro, e tratava de câncer há três anos. Ele deixou nove filhos e viúva, senhora Leopoldina Fontes Maia.

O velório está previsto para acontecer nesta sexta-feira (17), a partir das 16 horas, na funerária Capelas Jardins – em Cuiabá.

Fonte: ALMT
Comentários Facebook
Leia mais:  Saturnino Masson reivindica obras em rodovias e regularização fundiária
Continue lendo

Política MT

Ulysses Moraes encaminha requerimento de informação acerca de R$ 150 mil liquidados

Publicado

Foto: Ronaldo Mazza

O deputado estadual Ulysses Moraes (DC) encaminhou um requerimento de informação para que seja enviado ao chefe da Casa Civil do Estado de Mato Grosso acerca da liquidação e do suposto recebimento por parte do governador de maneira, de acordo com o parlamentar, que afronta os cofres públicos.

“Como compete ao parlamentar fiscalizar as ações ligadas ao estado de Mato Grosso, solicitei hoje durante a sessão, através de requerimento, todas as informações pertinentes à prestação de contas desta verba e porque ela não consta no Portal da Transparência, como dita a lei”, esclarece o parlamentar.

No requerimento, o deputado solicita a totalidade de gastos mensal com ajuda de custo e verba de representação junto ao gabinete do governador e qual a finalidade desta verba. Além disso, Ulysses requereu informações da prestação de contas dos valores mês a mês, a legalidade desta verba e qual a razão pela qual esta informação não conta nos Sistemas de controle de gastos do estado.

O montante está sendo classificado como ‘verba secreta’, já que está obstruído de consulta pública. Na data do documento consta o ano de 2019, mesmo ano em que o governador decretou estado de calamidade pública. 

Leia mais:  Câmara Setorial Temática contribui para Plano de Cargos de ACSs e ACEs de Sorriso

Fonte: ALMT
Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Política Nacional

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana