conecte-se conosco

Mato Grosso

Diálogo como ferramenta dos relacionamentos

Publicado

Já dizia o “Velho Guerreiro” (saudoso José Abelardo Barbosa), mais conhecido como Chacrinha: ‘quem não se comunica, se trumbica’. Em sua transmissão Chacrinha nos alertava para a importância do diálogo, que se tornou a principal ferramenta do século na construção de qualquer relacionamento, seja ele profissional ou sentimental. A pessoa que consegue dominar uma boa forma de se comunicar, com certeza, irá obter sucesso em sua carreira ou na tarefa que se dispor a realizar. Mas como fazer isso? Para alcançar uma boa comunicação é necessário muito mais do que apenas ter os ouvidos abertos, o ouvinte precisa se propor a prestar atenção no outro e não só para se beneficiar, mas com o intuito de conhecer a necessidade, criar empatia para, assim, construir uma comunicação efetiva.

A formação de uma comunicação ativa – onde estamos abertos para escutar o outro – é o primeiro passo para se conhecer, é exercitar o autoconhecimento, entender quais os seus objetivos, valores e necessidades, para, a partir daí, ter condições de ouvir com humildade e poder entender os limites do interlocutor. No processo de comunicação, utilizamos muito mais do que a fala, precisamos nos atentar ao movimento corporal, expressão facial e cuidar para entender que cada pessoa tem a sua particularidade –  uma forma de se comportar, se direcionar, até mesmo gesticular -,  por isso, precisamos nos esforçar para respeitar e entender as diferenças.

Muitas vezes as pessoas chegam em determinado local para serem atendidas em busca de um objetivo, e, mesmo que não obtenham a resposta desejada, precisamos tomar muito cuidado no momento de se dizer o ‘não’, a forma que irá repassar essa negativa fará toda diferença para o receptor. No entanto, quando demostramos atenção para com o outro, ouvimos e tratamos as necessidades apresentadas com carinho e respeito, mesmo com a negativa em relação a problemática apresentada pelo interlocutor, tenha certeza que ele sairá satisfeito. Sendo assim, concluímos que um diálogo bem realizado é capaz de construir entendimento e fazer as pessoas mudarem suas atitudes.

Leia mais:  Governo anuncia requisição administrativa dos bens e serviços da Santa Casa de Cuiabá

É comum ouvirmos falar que determinada instituição está passando por uma ‘crise’. Quando isso acontece, seja ela interna ou externa, a primeira preocupação é com a comunicação, como a informação será repassada ao receptor? Nesse momento o diálogo será primordial, para isso é necessário que haja transparência das informações para  desenvolver a empatia sobre o assunto em questão, assim, conseguirmos esclarecer os fatos, controlar as ações, alcançar o bom entendimento entre as partes, ou mesmo compreensão por aqueles não envolvidos diretamente com o ocorrido. Com essa construção a instituição irá diminuir os ruídos e alcançar a solução da problemática existente.

Quando se trata do mercado de trabalho, é natural encontrarmos profissionais esforçados, dedicados, que realmente “vestem a camisa” da empresa, mas, muitas vezes, são péssimos na habilidade de se relacionar como os colegas, têm dificuldades com hierarquias e se acham autossuficientes – ausentes de empatia e humildade -, nesse sentido a falta do talento na arte de se comunicar faz com que esse bom colaborador fique fora do mercado. Isso demostra que somente a competência não irá segurar seu emprego, afinal, a importância do relacionamento consiste na troca de conhecimento e na oportunidade de aprender com a experiência do outro.

Em vários momentos me deparo com pessoas que não permitem dialogar sobre seus defeitos e limitações, mas na verdade esses indivíduos utilizam dessa autodefesa para afastar as críticas, evitando levá-los à reflexão das suas ações. Isso porque o induziria à conclusão de que o grande causador por não conseguir permanecer em um emprego, em convivência familiar ou até mesmo manter amizades, é a sua falta de capacidade em respeitar as escolhas e comportamentos diferentes do que a pessoa tem como certo.

Leia mais:  Cuiabá receberá jogos da Liga das Nações de Vôlei

Quando nos referimos ao diálogo na construção dos relacionamentos, existe um ambiente que não podemos deixar passar desapercebido: a comunicação interna nas instituições, seja ela pública ou privada. É comum ouvirmos colaboradores reclamando da falta de informação no ambiente de trabalho, o que torna mais difícil a realização das atividades, como também alcançar o objetivo proposto pela empresa.

Para uma boa condução do processo das ações no ambiente de trabalho é necessário que a comunicação seja transparente, o feedback é essencial na evolução e motivação, e o líder precisa estar aberto a ouvir as sugestões e necessidades de seus liderados. Dessa maneira o colaborador terá uma nova perspectiva da empresa e desenvolverá suas atribuições com mais segurança e contribuirá na tomada de decisões. A construção da comunicação estratégica no ambiente de trabalho também e essencial para a integração do corpo administrativo. “Precisamos trabalhar como um corpo só, um pelo outro, onde um começa o outro consegue finalizar”, creio que essa integração das ações de forma ordenada, sempre respeitando hierarquias, facilita a integração e é importante para a saúde do relacionamento corporativo.

Gabriela Carvalho, graduada em Administração com expertise em Comunicação Social e Relações Institucionais Email: gabrielacarva@gmail.com

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Delegacia de Poconé recebe viatura reformada com apoio da sociedade

Publicado

Um trabalho de parceira com a sociedade civil organizada proporcionou a entrega de uma viatura totalmente reformada, à Polícia Judiciária Civil do município de Poconé (104 km ao Sul). A entrega da caminhonete Mitsubish L200 foi realizada nesta segunda-feira (16.09), na Delegacia Regional de Várzea Grande. 

O novo veículo é resultado da união de esforços entre a Delegacia de Polícia de Poconé, o Conselho da Comunidade do município, a Cooperativa de Mineradores de Poconé (Cooper Poconé) e a empresa privada (oficina mecânica) Abdala Quality.

A caminhonete modelo L200, de patrimônio do Estado, estava baixada no setor de transporte da Polícia Civil, deteriorada, com problemas mecânicos e motor fundido.

Diante da demanda para atender a região rural de Poconé, e sem uma viatura específica para o tipo de trabalho, à Delegacia de Polícia da cidade, passou a buscar parceiras com objetivo de angariar uma viatura para estrada de chão.

Conforme o delegado de Poconé, João Eduardo Sampaio de Alencar, que está a frente da unidade policial há cerca de cinco meses, o município além da área urbana, tem 72 comunidades e assentamentos na sua circunscrição, localizadas em regiões as quais em época de chuva ficam praticamente intransitáveis.

“Em razão da importância de se atender toda a população, com diversos expedientes e diligências pendentes na delegacia, por falta de carro para deslocamento em estradas de terra, sem asfalto, a Polícia Civil de Poconé passou a buscar por parceira para sanar o problema”, disse o delegado de Poconé. 

Leia mais:  Jornalistas devem se credenciar para visita e reabertura do Hospital Estadual Santa Casa

Com apoio do Conselho da Comunidade, Cooper Poconé e a empresa Abdala Quality, foi possível retirar a L200 que estava parada e em desuso, a qual foi totalmente recuperada e adesivada, conforme a nova identidade visual da instituição. Todo trabalho de recuperação do motor e lataria da caminhonete foi realizado em Cuiabá, na oficina mecânica que cedeu a mão de obra, Abdala Quality. 

Durante o evento da entrega da viatura, o presidente da cooperativa de garimpeiros e mineradores (Cooper Poconé), André Molina, falou dos projetos em parceria que veem sendo elaborados, para promover melhorias e consequentemente fortalecer a segurança pública na região.

Entre outros planejamentos para a Delegacia de Poconé estão: a reforma do prédio da unidade, doação de quatro computadores, contratação de um estagiário, bem como a limpeza e retirada de cerca de 32 toneladas de sucatas, que estavam aglomeradas no antigo pátio da delegacia, realizada no início do mês de setembro.

“Nos últimos anos, a Cooperativa vem desenvolvendo atividades sociais, auxiliando em diferentes projetos de várias áreas, como saúde, educação e outras. Então essa parceira com a Polícia Civil, em contribuir no conserto de um veículo que vai auxiliar na mobilidade dos policiais, é de suma importância e vem de encontro com nosso objetivo, uma vez que vai melhorar e fortalecer ainda mais o setor da segurança pública”, disse André Molina.

O presidente do Conselho da Comunidade, Luís Eduardo Costa Campos, falou da inédita iniciativa da Polícia Civil de Poconé, por meio do delegado João Eduardo, que de forma diferenciada vem fazendo um trabalho que vai muito além do que o sistema pode oferecer.

Leia mais:  Mato Grosso oferta 1.321 vagas de emprego pelo Sine

“O Conselho da Comunidade está muito feliz de fazer parte dessa parceria, e lisonjeado em poder ter junto nesse trabalho e na coordenação da Delegacia de Poconé, um profissional dedicado, proativo e que correr atrás, na busca de soluções e alternativas para os problemas, assim como faz João Eduardo”, parabenizou o presidente.

Presente na ocasião, o delegado geral adjunto, Gianmarco Paccola Capoani, em nome da Polícia Judiciária Civil, agradeceu a sociedade civil organizada de Poconé, pelo empenho em colaborar com a Segurança Pública, transformando um veículo baixado e inutilizado, em um praticamente zero-quilômetro.

“Atitudes como essas dignificam o policial. Atualmente estamos trabalhando com pouco efetivo, porém esse número bem abaixo do ideal, tem nos demonstrado comprometido e por isso estão fazendo toda a diferença. Parabéns a todos envolvidos nessa empreitada, que tem como retorno a valorização e engrandecimento dos nossos policiais”, elogiou o delegado geral adjunto.

Ao final os policiais civis da Delegacia de Poconé, fizeram um agradecimento em especial ao delegado João Eduardo Sampaio de Alencar, pela excelente gestão humanizada que vem fazendo, e de forma brilhante agregando toda a equipe.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Ciopaer receberá aeronave e veículos nesta terça-feira (17)

Publicado

A Secretaria de Estado de Segurança Pública entrega oficialmente nesta terça-feira (17.09) mais uma aeronave e veículos para o Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer). São três caminhonetes modelo Hilux e um avião modelo Seneca 3 PT-VEM.  A entrega será no hangar do Ciopaer, no Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, às 10h30.

O avião 3 PT-Vem está em operação na unidade aérea da Sesp há oito anos. Avaliada em R$ 600 mil, a aeronave tem capacidade para quatro passageiros e dois tripulantes. O Ciopaer permaneceu como fiel depositário do avião até a liberação definitiva pela justiça.

As caminhonetes foram adquiridas com o recurso do leilão, cuja arrecadação foi de R$ 420 mil da aeronave Cessna e em boas condições de uso, realizado pela Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag). O Cessna estava há cinco anos sem utilização nas operações de segurança pública, pois foi substituído pela aeronave prefixo PP-HAR, apreendida em março de 2018, com 350 quilos de drogas.

O Ciopaer foi criado e opera no estado há 13 anos. Entre janeiro e agosto deste ano, a unidade já participou de 635 operações e recuperou 80 veículos. Ao todo, foram voadas 1.191 horas em 2019, sendo 672 de helicóptero e 519 de avião, e, apoio a operações da segurança pública e meio ambiente.

Leia mais:  Agentes detectam celulares em feijão e frustram entrada na PCE

UTI Aérea

Outra aeronave, modelo Cheyenne II, que está sob tutela do Estado, passa por reformas e adaptações para se tornar a primeira UTI aérea do Governo de Mato Grosso. O projeto gerou economia aos cofres do Poder Executivo e será utilizada em benefício da saúde pública. A previsão é que a UTI aérea passe a operar a partir de dezembro deste ano. (Sob supervisão Raquel Teixeira)

Serviço

Evento: Entrega de aeronave e veículos para o Ciopaer

Horário: 10h30

Local: Hangar do Ciopaer, em Várzea Grande

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Política Nacional

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana