conecte-se conosco


Entretenimento

Deputado do PSL acionará Ministério Público por conversa de zoofilia no “BBB 20”

Publicado

source

IstoÉ

O delegado e deputado estadual Bruno Lima (PSL) pretende acionar o Ministério Público do Rio de Janeiro para apurar um suposto caso de apologia à zoofilia no Big Brother Brasil 20, reality show da TV Globo .

Leia também: BBB 20: namorando Mari, “Jonas 22” quer apagar fama de bem dotado

Mari Gonzalez e Felipe Prior arrow-options
Reprodução/Instagram

Mari Gonzalez e Felipe Prior


O assunto surgiu durante uma conversas na piscina entre os participantes Mari Gonzalez e Felipe Prior. A influencer comente que tem gente “que fica excitado mesmo” em ter relações sexuais com animais.

Leia também: Ex-BBB revela que “ficou” com Cauã Reymond e namorou Junior Lima

Em seguida, Felipe comenta que já ouviu casos de zoofilia onde trabalhava. “Os peões lá da obra já falaram que no nordeste mandava pau. O meu funcionário ‘comia’ as cabras tudo. É, ele conta”, disse Felipe. “Mas ele usa camisinha?”, perguntou Mari. Felipe respondeu: “usa nada”.

Leia mais:  Gabriela Pugliesi perde seguidores, patrocínios e se queima com famosos

Leia também: A Globo mantém Petrix no BBB 20 depois do público pedir sua saída por assédio

“Após esse triste episódio do ” BBB 20 “, em que batem um papo sobre zoofilia, nossa equipe está estudando as medidas legais do que podemos fazer para não ficarmos só na teoria. Provavelmente vamos fazer uma representação no Ministério Público do Rio de Janeiro para apurarem os fatos. Zoofilia é crime, não é normal. Queria vê-los fazendo resgate de animal estuprado e falarem que é normal”, escreveu Bruno Lima em suas redes sociais.

“Zoofilia nunca poderá ser tratado como algo normal, é crime! E todo indivíduo que comete tal atitude deve ser preso!”, defendeu o deputado em outra publicação.

Fonte: IG Gente
Comentários Facebook
publicidade

Entretenimento

Silvia Poppovic fala sobre demissão: “Pena não terem oferecido alternativas”

Publicado

A apresentadora Silvia Poppovic foi surpreendida por um telefonema. Ela estava comandando o programa ” Aqui na Band ” de casa, por conta da pandemia do novo coronavírus, e recebeu uma ligação do diretor da atração, Vildomar Batista, informando sobre a demissão. 

Leia também: Contrariando acordo, Band anuncia atraso no pagamento do PLR de funcionários

Silvia Poppovic
Reprodução/Instagram

Silvia Poppovic é demitida da Band


Leia também: Contratação de Gabriela Prioli é barrada na Band por ser parente de chefona

Em entrevista à colunista Patrícia Kogut, a apresentadora disse que foi pega de surpresa pela notícia. “Não esperava. O programa tem merchandisings vendidos, estava indo tudo bem”, contou Silvia Poppovic

No Instagram, a apresentadora fez um post se despedindo da emissora. Ela contou que a partir desta segunda-feira (27) já não estará mais no ar e lamentou não ter tido uma negociação para permanecer no canal de televisão. “Fui desligada enquanto fazia o programa de casa, na quarentena obrigatória. Pena não terem oferecido alternativas para que atravessássemos juntos essa fase até o final. Vida que segue. Sinto muito”.

Leia mais:  Com herança bilionária, filhos de Gugu Liberato excluem mãe de seguro

Leia também: Datena pode se afastar do “Brasil Urgente” por motivos médicos

A veterana será substituída por Nathália Batista , que comandava um quadro de moda na atração e é esposa do diretor do programa. De acordo com o colunista Flávio Ricco, a Band está renegociando os contratos com os escalões mais altos e alguns salários serão diminuidos.

Comentários Facebook
Continue lendo

Entretenimento

Sogra de Nego do Borel rebate acusação de racismo: “O problema nunca foi cor”

Publicado

source

Os pais da influencer Duda Reis estão vivendo uma polêmica pública com o namorado da filha, Nego do Borel. A médica  Simone Reis Barreiros , sogra do funkeiro, rebateu as acusações que o artista fez a ela e ao marido. 

Leia também: Nego do Borel quebra-pau com família de namorada após reconciliação: “Canalha”

Nego do Borel
Reprodução/Instagram

Nego do Borel


Leia também: Nego do Borel conta com participação surpreendente em clipe; confira

O quebra-pau começou quando Duda e Nego do Borel reataram o namoro e os pais da jovem disseram que não aprovavam a filha estar com alguém que a maltratava, dando a entender que a influencer foi agredida pelo artista. O intérprete de “Você Partiu Meu Coração” rebateu dizendo o posicionamento dos sogros era pelo fato de ele ser negro.

“Infelizmente, ainda vivemos numa sociedade em que pessoas de cor de pele preta ou vindas de comunidade são muito marginalizadas, mesmo que a gente tenha conseguido mudar de vida com o suor do nosso trabalho honesto”, disse Nego.

Leia também: Nego do Borel esnoba programa e é detonado por apresentadora nas redes sociais

Leia mais:  Globo deve abrir inscrições para “BBB 21” após final nesta segunda-feira

Em entrevista a Quem  Simone rebateu essa acusação. “Lamentamos a forma caluniosa de indiretamente nos chamar de racistas ! Repito, o problema nunca foi cor, origem ou ser do funk! O problema foi e é o interior! Alma não tem cor! Ou você é do bem ou não”, disse. 

Duda também já falou sobre a polêmica. No Instagram, ela negou as acusações que os pais fizeram sobre Nego do Borel e disse que nunca foi vítima de violência doméstica.

Fonte: IG Gente
Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Política Nacional

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana