conecte-se conosco


Mato Grosso

  CPI da Renúncia e Sonegação Fiscal apresenta panorama da mineração em MT

Publicado

Nesta quinta-feira (31), às 14h00 acontece a reunião ordinária da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Renúncia e Sonegação Fiscal, na sala nº 202 ‘Sarita Baracat’. Na oportunidade, técnicos do setor da mineração farão uma apresentação acerca da ‘Mineração em Mato Grosso’, abordando a história, o meio ambiente e o desenvolvimento socioeconômico.

De acordo com o relator geral e sub-relator da mineração, deputado estadual Ondanir Bortolini (PSD), Nininho, a explanação técnica aos membros, bem como, para a imprensa é de suma importância.

“Nós temos ciência que a mineração impulsionou a economia de Mato Grosso, e não vamos muito longe, a capital do estado há 300 anos nasceu da mineração, bem como muitos municípios do interior, é muito importante entender o contexto atual do segmento”, destacou Nininho.

Vale lembrar, que a história econômica da humanidade é a história da exploração mineral, saltamos da idade da pedra para a idade dos metais. Hoje nossos celulares funcionam graças a variados minerais tendo como base principalmente o cobre e o silício, mas também, o tântalo, níquel, cadmio, lítio e já com inovações que incorporam o grafeno, e a colonização europeia tem suas raízes na extração do ouro.

Leia mais:  Propostas de Max Russi visam medidas mais brandas a contribuintes negativados e automação na retirada de protesto

“Esta primeira apresentação pretende apontar as questões centrais estudadas, com a finalidade de compor apresentação final com propostas que venham a diminuir as possíveis evasões fiscais do setor, trazendo mais segurança aos investimentos no estado, tornando-se um atrativo à legalização da atividade garimpeira”, explicou o sub-relator.

CPI
A comissão é composta pelos deputados estaduais: Wilson Santos (PSDB), na presidência, Carlos Avalone (PSDB), vice-presidente; Ondanir Bortolini (PSD), Nininho, relator geral, Max Russi (PSB) e Janaina Riva (MDB) são membros titulares.

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Quinta-feira (09): Mato Grosso registra 108 casos confirmados e 2 mortes por Covid-19

Publicado

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta quinta-feira (09.04), 108 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados dois óbitos em decorrência de coronavírus. A segunda morte em decorrência da Covid-19 ocorreu na noite de quarta-feira (08.04), em Cáceres.

Os casos confirmados estão em Cuiabá (58), Sinop (11), Rondonópolis (11), Várzea Grande (6), Tangará da Serra (5), São José dos Quatro Marcos (2), Cáceres (2), União do Sul (1), Primavera do Leste (1), Nova Mutum (1), Nova Monte Verde (1), Lucas do Rio Verde (1), Lambari D’Oeste (1), Canarana (1), Campo Novo do Parecis (1), Aripuanã (1), Alta Floresta (1) e residentes de outros Estados (3).

De acordo com o Boletim Informativo, os três casos que constam como de outros estados foram notificados pelas Secretarias Municipais de Rondonópolis (1), Chapada dos Guimarães (1) e Pontes e Lacerda (1). 

Dos 108 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 81 estão em isolamento domiciliar, 11 estão recuperados e 14 estão hospitalizados – sendo sete em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e sete em enfermarias. Dentre o número de casos no Estado, 60% é do sexo feminino e 40% masculino; sendo que 59 pacientes têm faixa etária entre 36 a 55 anos. 

Leia mais:  Operação integrada prende membros de organização criminosa em Nova Xavantina

Os pacientes são devidamente acompanhados pelas equipes de Vigilância Epidemiológica do Estado e dos municípios. Mais informações estão detalhadas na Nota Informativa divulgada pela SES (anexada a este texto).

A Nota Informativa com dados atualizados é divulgada diariamente a partir das 17h. A coletiva de imprensa virtual com o secretário de Saúde, Gilberto Figueiredo, transmitida pelo Instagram e Facebook do Governo do Estado, ocorre às segundas, quartas e sextas-feiras a partir das 8h30.

Cenário nacional

Nesta quinta-feira (09), o Governo Federal confirmou 17.857 casos de Covid-19 no Brasil e 941 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, divulgado pelo Ministério da Saúde, o país contabilizava 800 mortes e 15.927 casos confirmados de pessoas infectadas pelo novo coronavírus.

Recomendações

Atualmente, não existe vacina para prevenir a infecção pelo novo coronavírus. A melhor maneira de prevenir a infecção é evitar ser exposto ao vírus. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca do novo coronavírus. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

Leia mais:  Ossada que pode ser de mulher desaparecida é localizada em Sinop

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo coronavírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes. Ficar em casa quando estiver doente;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (máscara cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Bombeiros farão desinfecção de locais com aglomeração de pessoas em Rondonópolis

Publicado

Na manhã desta quinta-feira (09.04) entrou em operação a 2ª Companhia do 3º Batalhão de Bombeiro Militar de Mato Grosso, que atende ao município de Rondonópolis e seu entorno. A primeira operação dos oficiais da nova unidade será a desinfecção de locais com aglomeração de pessoas na cidade.

A nova base descentralizada terá a função de aproximar a corporação de uma das regiões mais populosas do município, assim como das rodovias federais BR 163/364, o que facilita o trabalho dos bombeiros e diminuirá o tempo de resposta ao atendimento de ocorrências nessa região.

De acordo com o comandante adjunto do Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso, coronel Vanderlei Bonoto, “vamos começar o trabalho naquela base, que já está pronta, e logo pela manhã já sairemos de lá para a nossa primeira operação, que será a desinfecção de locais de grande aglomeração de pessoas, como já fizemos em Cuiabá e Várzea Grande, e agora iremos fazer em Rondonópolis”.

A primeira guarnição de serviço na 2ª Companhia do 3º BBM foi composta por três sargentos (SGT BM Jaber, SGT BM Rocha, SGT BM Cristiano).

Leia mais:  Mulheres indígenas são cadastradas como artesãs para fomentar o comércio

Não houve uma inauguração oficial na ocasião para evitar a aglomeração de pessoas e a possível proliferação do coronavírus, mas uma solenidade ainda deve ser marcada futuramente. A companhia fica localizada na Avenida Presidente Médici.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Política Nacional

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana