conecte-se conosco

Política MT

Cadastro Consciente” ajuda a aumentar número de doadores de medula óssea em MT

Publicado

CONSCIENTIZAÇÃO

O Estado deu um passo importante com a Lei, que nasceu de um projeto de Lei do deputado Ondanir Bortolini.

Todos os dias novos casos de doenças que comprometem a medula óssea, responsável pela produção de células sanguíneas, são diagnosticados. De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (Inca), cerca de 80 doenças diferentes estão relacionadas ao sangue e podem ser tratadas com o transplante de medula óssea. “Mas o que a população precisa compreender, é que na maioria dos casos os doadores não estão no circulo familiar, então, o caminho é esperar que um doador compatível seja localizado”, alertou a bióloga Adriana Penha.

Em Mato Grosso a ‘Semana Estadual da Importância da Conscientização da Doação de Medula Óssea’, sancionada por meio da Lei 9.807/2012, de autoria do deputado estadual Ondanir Bortolini (PSD), Nininho, tem despertado a população para o esclarecimento acerca do cadastro voluntário consciente.

A campanha realizada há cinco anos no Estado, com o respaldo do MT-Hemocentro e do Inca, tem alcançado a proposta da Lei. “Hoje as pessoas estão mais esclarecidas, e o que nos deixa contente é que a comoção não é mais o motivo do cadastro e sim a consciência de ser a possibilidade de cura para alguém”, ressaltou o deputado Nininho.

Leia mais:  Delegado Claudinei apresenta balanço semestral das atividades na ALMT

Para a diretora geral do Hemocentro em Mato Grosso, Gian Carla Zanela, a lei da conscientização é uma parceria que deu certo.

“Todos os anos temos obtido sucesso e temos colhido os frutos, estamos aumentando cada dia mais o número de pessoas cadastradas para doação de medula óssea, e para nós, o apoio que o deputado Nininho e a Casa de Leis têm dispensado é muito importante”, explicou a diretora.

Conforme os números fornecidos pelo Hemocentro, em 2015 o número de cadastros em Mato Grosso era 51.441, atualmente são 61.741, ou seja, pouco mais de 20%. O farmacêutico Júlio Cesar, 30, doador voluntário desde 2007, contou que se cadastrou porque começou a ver a importância de ser um doador. Júlio já fez a doação e agora se prepara para a segunda doação de medula óssea.

“Me cadastrei quando eu estava na faculdade, na época eu morava em Joaçaba (SC), mas quando fui chamado para fazer a minha primeira doação eu já estava em Cuiabá. Uma coisa importante é manter o cadastro atualizado. Não consigo explicar a felicidade que senti, pois não conheço a pessoa, esse encontro leva um tempo, e para minha surpresa fui chamado para fazer o procedimento pela segunda vez”, contou Júlio César.

Leia mais:  Projeto de lei incentiva empreendedorismo de empresas startups e scaleups em MT

Campanha – No dia 28 de maio, às 8 horas, acontece a abertura da Semana Estadual da Importância da Conscientização da Doação de Medula Óssea. Conforme a Lei nº 9.807/12, o evento é realizado todos os anos na última semana do mês de maio. A programação será no auditório Milton Figueiredo, na Assembleia Legislativa de Mato Grosso com o tema “III Encontro de Conscientização da Doação de Medula Óssea”.

Do núcleo de palestras estão confirmados: Dr. Luis Fernando da Silva Bouzas (RJ,) idealizador do Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea (Redome) no Brasil, com a conferência “Transplante de medula óssea, indicações e seleção de doadores”; Dr. Luiz Guilherme Darrigo Junior, de Ribeirão Preto (SP), especialista em transplante de medula óssea pediátrico, com a conferência “Avanços e Desafios no Transplante de Medula Óssea Pediátrico”, e a Drª Danielli Cristina Muniz de Oliveira, responsável pelo Inca-RJ, com o tema “Redome 50 anos, você também pode contar esta história”.

No link para as inscrições https://forms.gle/qzKodDTL9ATWpQFH7, os interessados também podem fazer as inscrições dos trabalhos, o número de vagas é limitado, e será fornecido certificado de horas pela Escola de Saúde Pública de Mato Grosso aos participantes.

Comentários Facebook
publicidade

Política MT

Mesa Diretora lamenta falecimento de Benedito Botelho, pai do presidente da AL

Publicado

Foto: ARQUIVO PESSOAL / ALMT

A Assembleia Legislativa vem a público expressar sentimento de pesar e prestar condolências à família do presidente da Casa de Leis, deputado Eduardo Botelho, pelo falecimento do seu  pai, senhor Benedito Caetano Botelho, na manhã desta sexta-feira (17).

Seo Chinhô, como era conhecido, era natural de Livramento, completou 95 anos em setembro, e tratava de câncer há três anos. Ele deixou nove filhos e viúva, senhora Leopoldina Fontes Maia.

O velório está previsto para acontecer nesta sexta-feira (17), a partir das 16 horas, na funerária Capelas Jardins – em Cuiabá.

Fonte: ALMT
Comentários Facebook
Leia mais:  Deputado apresenta indicação para estimular implantação de ciclovia em área urbana
Continue lendo

Política MT

Ulysses Moraes encaminha requerimento de informação acerca de R$ 150 mil liquidados

Publicado

Foto: Ronaldo Mazza

O deputado estadual Ulysses Moraes (DC) encaminhou um requerimento de informação para que seja enviado ao chefe da Casa Civil do Estado de Mato Grosso acerca da liquidação e do suposto recebimento por parte do governador de maneira, de acordo com o parlamentar, que afronta os cofres públicos.

“Como compete ao parlamentar fiscalizar as ações ligadas ao estado de Mato Grosso, solicitei hoje durante a sessão, através de requerimento, todas as informações pertinentes à prestação de contas desta verba e porque ela não consta no Portal da Transparência, como dita a lei”, esclarece o parlamentar.

No requerimento, o deputado solicita a totalidade de gastos mensal com ajuda de custo e verba de representação junto ao gabinete do governador e qual a finalidade desta verba. Além disso, Ulysses requereu informações da prestação de contas dos valores mês a mês, a legalidade desta verba e qual a razão pela qual esta informação não conta nos Sistemas de controle de gastos do estado.

O montante está sendo classificado como ‘verba secreta’, já que está obstruído de consulta pública. Na data do documento consta o ano de 2019, mesmo ano em que o governador decretou estado de calamidade pública. 

Leia mais:  Deputado apresenta indicação para estimular implantação de ciclovia em área urbana

Fonte: ALMT
Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Política Nacional

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana